10 Dicas para auxiliar sua empresa a enfrentar a crise.


Sua empresa está sofrendo com a diminuição nas vendas? Houve uma queda no número de clientes? Em alguém momento você precisou atrasar os pagamentos? Precisou demitir algum funcionário?


Se a resposta para essas perguntas for sim, você não está sozinho, a grande maioria dos empreendedores brasileiros em algum momento da pandemia enfrentou alguma dessas dificuldades.


Apesar da crise histórica que o Brasil vem enfrentando desde a chegada do Covid-19, o número de empresas abertas no país supera as fechadas em 2020, segundo o Ministério da Economia.


Ao todo, 3,359 milhões de novos negócios foram abertos e 1,044 milhão encerrados. Ainda que o saldo seja positivo, o número de empresas que fecharam suas portas é alto, dentre os fatores que acarretam o fechamento estão: falta de planejamento financeiro, marketing ineficiente, ausência de um planejamento estratégico com metas e objetivos definidos, entre outros.


Para que a sua empresa não faça parte desse número, selecionamento 10 dicas que irão te auxiliar na gestão da organização nesse momento tão incerto.


1. Utilização de mídias sociais: com o isolamento social as pessoas são obrigadas a ficarem em suas casas, impossibilitando as compras em lojas físicas. Sendo necessário os negócios se reinventarem, ao invés do cliente ir a loja a loja que precisa ir ao cliente agora. Uma solução é a utilização de ferramentas digitais para chegar até o público, como a criação de perfis empresariais nas redes sociais (Instagram e Facebook).


2. Plataforma de vendas online: se a sua empresa ainda não conta com mecanismos de venda online, esse é o momento de migrar para o digital. Faça uma avaliação das plataformas disponíveis no mercado e veja qual mais se adequa a sua realidade.


3. Entregas: com a restrição do número de pessoas nos estabelecimentos e a correria do dia a dia, fica cada vez mais difícil o cliente se deslocar até uma loja física, por isso, a entrega tem conquistado tantos adeptos. Ela permite maior praticidade e traz agilidade ao negócio.

4. Controle de Custos: é fundamental conhecer os custos da sua empresa e avaliar quais são aqueles imprescindíveis para manter o negócio operando. Em um contexto de queda do faturamento, é preciso priorizar aqueles que são realmente fundamentais e cortar ou reduzir os demais.


5. Negociação com fornecedores: com a diminuição da receita, você irá precisar dialogar com seus fornecedores por um melhor prazo para honrar seus compromissos. Essa negociação pode trazer aquele fôlego para manter em dia os gastos e despesas que não podem ser adiados.


6. Fracione suas compras: evite realizar grandes processos de compras e opte por fragmentar os pedidos de acordo com sua demanda, reduzindo gastos e evitando o estoque parado.


7. Qualidade do serviço: a satisfação do cliente precisa ser o foco das empresas a qualquer momento, mesmo em meio à crise. Mantenha a qualidade dos serviços e produtos e supere as expectativas do seu consumidor. Um cliente satisfeito é um cliente fidelizado.


8. Faça um planejamento: um gestor precisa ter muito claro o que é prioridade e o que pode ser adiado ou cortado. Com base nisso e em uma observação do estado atual, é possível elaborar um planejamento capaz de suavizar os impactos da crise e preparar a empresa para a retomada dos negócios no futuro.


9. Flexibilidade: uma forma de oferecer mais flexibilidade é a implementação do trabalho em home office, modelo muito adotado com a chegada da pandemia. Esse sistema de trabalho permite que os trabalhadores realizem suas atividades em casa, algumas empresas exigem o cumprimento da jornada em horário comercial, já outras deixam o colaborador se auto gerenciar desde que cumpra todas as suas tarefas.


10. Inovação: nesses momentos é fundamental pensarmos “fora da caixa” buscando soluções criativas para resolver problemas. Na economia moderna, a vantagem está naquelas empresas que conseguem ser mais ágeis, e não exatamente maiores.


A pandemia impactou a todos de forma geral, porém não é hora de cruzar os braços e apenas lutar para sobreviver a esta crise, mas também, usar ela a seu favor. Portanto, essa é a primeira lição para saber inovar e sobreviver em tempos de crise.


Agora, se você não sabe nem por onde começar, entre em contato conosco que iremos propor a melhor estratégia para o seu negócio.


gif

👍🏽 Curte se você gostou 💬 Comente para sabermos sua opinião 📣 Compartilhe com os amigos Qualquer dúvida ou sugestão, fale conosco. Entre em contato para saber mais sobre nossas soluções. Podemos ajudar sua empresa ir ao máximo! WhatsApp: 43 9170-2782 E-mail:maximizaej@gmail.com

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo